quinta-feira, dezembro 09, 2004

Nossa, como tem gente arrogante nesse mundo. As vezes eu leio alguns posts no orkut que sinceramente me envergonha de ser gente. Tudo bem que o orkut é uma comunidade virtual, mas infelizmente é triste saber que tem gente que se comporta da mesma maneira na vida real.. Estava na comunidade Nightwish Brasil, até que surgiu um tópico perguntando se idade faz a diferença, já que muita gente odeia gente mais nova que curte Nightwish e outras bandas. Até que apareceu um descerebrado se achando o gostosão, e escreveu tanta merda que eu fiquei de cara. De início fiquei revoltada, mas depois eu caí na gargalhada.
Agora me pergunto. Quem tem o direito de dizer quem pode ou não curtir tal música? Quem tem o direito de se achar superior pq começou a ouvir tal coisa com nao sei quantos anos? Pooooooo! E pior é que realmente tem quem pense assim. Lembro quando o Nightwish explodiu na mídia, um monte de gente ficou crussificando a banda, xingando novos fãs e tals. Putz meu, que coisa mais pobre de espírito! Pior foi ler depois que o cara foi pra europa, sabe nao sei quantos idiomas, jah foi nao sei aonde. COmo se isso fosse deixar alguém superior a outra pessoa.
Sinceramente, admiro mais um mendigo do que gente do naipe desse cara. E o pior é que essa gente reclama que é discriminado, mas eles discriminam. E aí, quem tá com a razão?
É, realmente eu tenho vergonha de ser gente as vezes. Preferiria ser um cachorro. Muito mais digno do que ser da mesma espécie desses seres que se acham os bonzões da parada.
Aliás, uma coisa que eu fico pensando.. Pq as pessoas demonizam tanto a mídia? Não que eu esteja defendendo, eu raramente ouço rádio, só de fora que eu escuto, e TV mesmo, particularmente eu acho um lixo. Mas o que tem de errado de escutar uma música na rádio um dia qq sem querer, e curtir a música? É crime isso? Ih caramba, se for, então eu to ferrada, pq várias músicas eu descobri assim.
Como já disse em alguns posts atrás, tenho meus erros e meus preconceitos também, afinal, sou ser humana. Mas, em nenhum momento, desprezei uma pessoa pelo fato dela curtir um estilo musical que eu não curto. Acho que estilo musical não faz pessoa. Uma das minhas melhores amigas curte pagode, e eu mesmo odiando pagode, sou muito amiga dela, uma pessoa que tem um caráter sem igual. E aí? vou desprezá-la agora?
Cada vez que eu vejo minha cachorra, eu penso... ela é mais digna que muita gente por aí...

See Ya!!


Beverlee - Set Me Free

Nenhum comentário: