terça-feira, maio 31, 2011

Tiozinho no metal

Fazia tempo que eu não ria tanto com um vídeo no YouTube. Mas esse realmente me arrancou boas gargalhadas:



O tiozinho ali no meio todo feliz com sua coreografia estranha. E aquele bando de maluco descoordenado pulando que nem cabritos e fazendo trenzinho como se estivessem dançando música de Oktoberfest realmente é impagável! Valeu YouTube pelas gargalhadas!

terça-feira, maio 24, 2011

O caso Pimenta Neves e nossa justiça tartaruga.

Finalmente decidiram prender Pimenta Neves. Onze anos depois, e trocentos recursos tentados, não teve jeito. Vai ter de ir pro xilindró. Isto é, se ele não der um jeitinho de fugir, afinal de contas, no Brasil tudo é possível.

Não consigo entender como isso pode ser chamado de justiça. Sério, às vezes eu tento, mas não dá. Como nossas leis podem ser tão idiotas? O cara é condenado, réu confesso, fica onze anos solto numa boa, e, quando finalmente decidem que ele deve cumprir a pena na prisão... não pode prendê-lo por causa do horário. Oras bolas, como assim? O cara já foi condenado! Qual é a diferença de prender às 18 horas, e prender às 8 horas da manhã? Sinceramente, só acredito que esse cara foi preso quando vir ele na cadeia propriamente dita. Enquanto isso, continuo achando que ele vai dar um jeito de fugir. Afinal de contas, ele é jornalista, famoso, tem influências. Se fosse um favelado que tivesse roubado um pote de margarina no supermercado estaria preso até hoje, e pior, sem julgamento. Isso só reafirma minha opinião de que no Brasil, justiça não se faz, se compra. Basta ter grana e conhecer as pessoas certas. Não é nem questão de somente ter dinheiro, e sim ter influência. Se só dinheiro salvasse, o goleiro Bruno já estaria solto.

E por falar em (in)justiça, Mércia Nakashima foi assassinada há um ano, e até agora nem sinal de prender o acusado, que coincidentemente é ex-policial e.. tem influências.

Pois é...

segunda-feira, maio 23, 2011

E o mundo não acabou...

Pois é.. o profeta profetizou errado. Coitado! Pior do que isso é gente gastando dinheiro pra espalhar a 'profecia'. O que leva alguém a fazer isso?

a) Ser retardado
b) Falta do que fazer
c) Querer aparecer

A única certeza é que agora eles estão fus.. Ficaram sem dinheiro. Deixo aqui uma música em homenagem aos doidões do apocalipse:

terça-feira, maio 17, 2011

E viva o frio!

Depois do Blogger ficar dando problemas direto, e sair do ar por um bom tempo, o que fez com que minha inspiração fosse embora, estou de volta.

Voltei pra comemorar o frio que tem feito em São Paulo. Finalmente Sampa se lembrou de que também existe frio por aqui, e obviamente eu fico feliz da vida. Sei que provavelmente nem vai durar muito, mas já dá pra ficar feliz. Dias nublados e frios me deixam animada!

Um VIVA para esse friozinho gostoso!

segunda-feira, maio 09, 2011

A obrigação de consumir.

Já escrevi várias vezes sobre os bens de consumo não durarem praticamente mais nada, o que nos obriga a jogar fora e comprar outro. E a reportagem que saiu no Estadão neste fim de semana foi bem clara: é muito mais barato jogar fora e comprar um novo do que mandar para o conserto. E o pior, todo mundo acha lindo. Estragou? Simples, jogue fora e compre um novo. Só que ninguém lembra que quem acaba se ferrando nessa história toda é o nosso planeta, que já está dando sinais de exaustão faz tempo. Infelizmente esse estilo de vida é incompatível com o planeta. Ou consome-se menos, ou degradaremos cada vez mais o ambiente em que vivemos. E depois não adianta reclamar de mudanças climáticas, catástrofes, falta de água dentre outras coisas.

E hoje, ao imprimir uns negócios, acabei lembrando exatamente disso: da obrigação de consumir. Impressoras antigas funcionavam com um cartucho só. Se acabasse o colorido, imprimíamos em preto. Se acabasse o cartucho preto, o colorido fazia o papel dele, e imprimia. Agora não. Se eu preciso imprimir algo em preto, mas o cartucho colorido está vazio, mesmo o preto estando cheio... Não imprime! Ou seja, somos obrigados a comprar um cartucho colorido mesmo não precisando usar. É ou não é algo ilógico? Agora estou eu aqui, com um cartucho preto cheinho, mas não posso imprimir nada. É de doer no rim hein...

terça-feira, maio 03, 2011

Ridículo!

Vem aí mais uma tentativa do governo de arrancar dinheiro da gente.

Figura retirada daqui

Concordo que precisamos modernizar nosso documento de identificação, pois o atual qualquer zé mané da esquina falsifica numa boa. Além do que, já passou da hora de ter um cadastro único, pois é uma aberração poder tirar identidade com números diferentes em cada Estado. Mas discordo em ter de pagar. É obrigação do governo nos fornecer documentos de identificação seguros. E com a tonelada de impostos que pagamos, não acredito que não se tenha dinheiro pra bancar.

Agora alguém me explica: por acaso o Inglês virou idioma oficial do Brasil? Pois não entendo o porquê de termos este idioma no novo documento. Afinal de contas, ele não valerá no exterior, no máximo nos países da América do Sul. Se o segundo idioma usado fosse Espanhol até entenderia, mas Inglês realmente não consigo. É fogo!

segunda-feira, maio 02, 2011

Pergunta que não quer se calar:

Será que agora Obama pode ficar aliviado e contar com a reeleição, já que Bin Laden ''morreu''?

hehehehehe...