segunda-feira, junho 26, 2006

Fundação expõe lixo como forma de alerta

O lixo que se vê, há 16 dias, empilhado ao lado da Praça Ramiro Ruediger não é mero descaso. Técnicos da Fundação Municipal do Meio Ambiente, auxiliados por 50 policiais militares, retiraram os resíduos do Ribeirão da Velha e colocaram ao lado do parque para chocar a população.

- Ribeirão não é local de lixo, acrescenta Jorge Müller, presidente da Faema.

Entre a sujeira, estão muitos pneus, um sofá-cama, baterias e plástico. O lixo não foi pesado, mas cinco caminhões foram necessários para transportar toda a sujeira. Müller afirma que o lixo ficará ao lado do parque por mais duas semanas. A limpeza do Ribeirão da Velha foi feita no dia 10, durante a Semana Municipal do Meio Ambiente. Junto à pilha de lixo, está uma faixa com a mensagem: "É assim que parte da população trata os ribeirões da cidade".


Photobucket - Video and Image Hosting

É isso aí. Vamos entupindo nossos rios de lixo. Só depois não reclamem quando a casa de vocês ficar inundada, e todos seus pertences forem por água abaixo.
Falta muita consciência para o povo brasileiro.
Uma minoria se preocupa em separar o lixo para reciclar, vejo aqui pela minha rua, somente aqui em casa, e mais umas 3 casas da rua separam seus lixos, isso que toda semana religiosamente passa o caminhão do lixo reciclável pra recolher.
Estamos passando por um período de maior seca, e tem babaca que fica lavando carro e lavando calçada fim de semana, jogando água fora. Como se não bastasse isso, entope os rios com todos os tipos bizarros de lixo. Gente, o que passa pela cabeça de uma pessoa de jogar um sofá no rio????? Pqp viu...
Sinceramente, tenho medo do futuro desse planeta...

See Ya!!


Photobucket - Video and Image Hosting Duran Duran - Save a prayer

quarta-feira, junho 21, 2006

Copa do mundo é legal, mas acho que demora demais. No começo é aquela empolgação, depois começa a encher o saco. Mas enfim, estou empolgada pro jogo de amanhã, confesso que mais pela bagunça. Finalmente poderei assistir o jogo na Rivage, acabei nem indo domingo pq minha amiga estava gripada, com febre. E agora, quem está gripada sou eu. Mas não cheguei a ter febre, aliás, já estou quase boa, tirando meu nariz que está um desastre ecológico, mas isso é somente um pequeno detalhe.

Hoje o dia está chuvoso, depois de tantos dias seguidos de céu azul e limpo. Fiquei feliz com essa chuva, apesar de que, ela e nada é quase a mesma coisa. Infelizmente pra encher os rios e reservatórios, é preciso de muita chuva, e não esses pequenos pingos, mas ainda assim, é melhor do que nada. Já mencionei quinhentas vezes aqui que dias chuvosos me deixam saudosista e um pouco melancólica. Aliás, eu tenho até a minha trilha sonora de dias chuvosos, e fiz a listinha dela. Gostaria de poder usar meu ipod pra colocar essa pequena trilha, mas não tive mais coragem de mexer no coitado desde que aquela merda de itunes deu pau no meu computador.
Eis minha listinha chuvosa:

* Depeche Mode - Enjoy the Silence
* Van Halen - When Its love
* Pet Shop Boys - West End Girls
* Wilson Phillips - Hold On
* A-ha - The Sun Always Shines on TV
* Duran Duran - Save a prayer
* John and Vangelis - Deborah
* Human League - Don't you want me

Não sei o que essas músicas têm a ver com dias chuvosos, mas eu me sinto bem escutando elas nesses dias.. :P.. Viagem total..

Fui!


Photobucket - Video and Image Hosting Human League - Don't you want me

terça-feira, junho 13, 2006

E o Brasil ganhou. Míseros 1 x 0 mas melhor do que nada. Só sei que quase cuspi meu coração durante o jogo lá no shopping. Sinceramente, esperava que o Brasil fosse fazer pelo menos 2 gols né.. Mas enfim, domingo tem mais. Brasil x Austrália.. Vamos ver como isso vai ser.. Esse primeiro jogo eu assisti no telão do shopping, esse segundo provavelmente irei na Rivage. A copa de 94 eu acompanhei praticamente todos os jogos lá, e confesso que assistir os jogos naqueles telões e com aquele sistema de som, a sensação é de estar dentro do estádio. Só espero que o Brasil faça bonito, bem mais bonito do que fez nesse primeiro jogo, se não o negócio vai ficar feio :P

Ontem, eu e meu amigo Carlos inauguramos nosso blog. Resolvemos fazer um blog estilo consultoria sentimental, isso mesmo, responderemos perguntas das mais diversas sobre relacionamentos e afins.. Eu sempre gostei de conversar sobre várias coisas que diz a respeito de relacionamentos e afins, acho que esse blog vai ser legal. Enfim, quem quiser conhecê-lo, é só clicar Aqui. :)

Até mais :)

Fui

Photobucket - Video and Image Hosting Activate - I say what i want

terça-feira, junho 06, 2006

Eu sou fã número um de sites de amizade. Confesso que estou ficando de saco cheio de orkut, sempre a mesma coisa, e ainda mais agora com aquele festival de vírus, peixinhos, bombas, cartões de origem duvidosas, dentre outras coisitas a mais. Como eu não sei ficar parada, sempre estou em busca de novos lugares. Estou procurando fazer mais amizades com gente do exterior, principalmente pra praticar meu inglês. Segundo idioma é sempre assim, se a gente não pratica, bye bye. Enfim, dentre zilhões de sites, me simpatizei com o Friendster. É estilo orkut, mas menos zona. Eu fui convidada pra ele por uma amiga alemã ano passado, mas nunca dei bola. Um belo dia, recebi uma msg lá, e fui ver o que era. Era um rapaz das Filipinas querendo conversar. Desde então, tenho vasculhado por lá, e tenho conhecido pessoas legais de vários lugares. Outro site muito legal é o Cyberfriends. A única restrição de lá, é que não é permitido troca de emails nem messengers. Por um lado é ruim, mas por outro até que é razoavelmente aceito, pois a proposta do site é ser exatamente um site anônimo. Conheci muita gente show de bola lá, eu recomendo pra quem quiser conhecer gente de vários países do mundo, e de quebra dar uma praticada no inglês, ou outro idioma que queira. Apesar de não poder trocar emails, o site tem um sistema bacana de troca de emails por ele mesmo, mensagens em guestbook, e até um chat. Mas como nada é perfeito, pra ter mais de 5 amigos na lista, tem que pagar, mas isso é outra história. :P. Também tem o Mailfriends, que é praticamente o mesmo esquema do CF, mas com menos restrições. Pode-se trocar messengers e emails, assim como trocar mensagens privadas. Só sei que eu viciei nesses 3 sites, e fico logada nos 3 ao mesmo tempo. Divertidíssimo :)

See Ya!


Photobucket - Video and Image Hosting Melissa Auf Der Maur - Real a Lie

domingo, junho 04, 2006

Já que a Shiri e a Li atualizaram os blogs delas, eu resolvi atualizar o meu.
Pra ser sincera, tenho andado sem inspiração pra nada. Nada que acontece por aqui me empolga mais, sinceramente, estou de saco cheio. Ao contrário do que muitos podem pensar, não estou depressiva.. Apenas estou precisando de viver coisas diferentes. Eu sabia que não deveria ter voltado pra Blumenau... mas isso é outra história. Há um tempo atrás, teve show do Barão Vermelho. Foi uma das poucas coisas que me empolguei, e nem pude ir, pq todo mundo deu pra trás em cima da hora. Que saco. Tenho zilhões de cartas e emails pra responder.. Mas quem disse que eu sei o que escrever pra eles? Espero que essa fase nebulosa passe rápido..

Mas enfim.. Fico aqui, viajando ao som de Ultravox..
Até vou postar a letra dela aqui.. faz tempo que não posto letra de música né...

Photobucket - Video and Image Hosting Ultravox - Reap the wild wind

Reap the wild wind. (Repeat 3 times)

A finger points to show a scene. (Take my hand. Take my hand.)
Another face where mine had been. (Take my hand. Take my hand.)
Another footstep where I once walked. (Take my hand)
Take it all.

Chorus:

You take my hand and give me your friendship.
I'll take my time and send you my slow reply.
Give me an inch and I'll make the best of it.
Take all you want and leave all the rest to die.

Reap the wild wind.

A footprint haunts an empty floor. (Take my hand. Take my hand.)
A fading coat that I once wore. (Take my hand. Take my hand.)
Oh, desolation where I once lived.
I have seen in times gone by.
I have felt a different shadow on the wall,
A stranglehold on a certain feeling.

(Chorus)

Reap the wild wind. (Repeat 2 times)

(Chorus)

Reap the wild wind.


Fui!