quinta-feira, maio 20, 2004



UM ANO DE BLOG

Sim. Exatamente hoje, faz um ano que eu comecei a blogar. Não nesse endereço, mas mesmo assim, completa um ano que eu posso me considerar uma blogueira..
Foi exatamente no dia 20/05/2003, que eu ganhei meu primeiro blog, no Blig, de presente da minha amiga Thais. De início só escrevia besteiras, e fazia testes idiotas. Mas com o passar do tempo, comecei a escrever coisas mais úteis (úteis? *risos*). Enfim, peguei gosto por blogar, comecei a fazer várias amizades e me empolguei de verdade. Passaram-se alguns meses, o Blig começou a avacalhar, e me mudei pro blogger brasil, que na época eu considerava o melhor. Fiquei lá de agosto do ano passado até fevereiro desse ano, quando infelizmente a globo.cu, ops, globo.com começou com palhaçadas como limitar o espaço de posts, e só poder fazer novos cadastros quem é assinante da globo.com, então, vim de mala e cuida pra cá. Até agora, não posso reclamar, mas é melhor falar baixo né!
Quando comecei a blogar, não imaginei que fosse me empolgar tanto, muito menos imaginei que fosse fazer tantas amizades como fiz aqui. É um vício que eu não pretendo largar nunca!
E espero poder continuar no blogspot pra sempre.. não aguento mais mudar.. mas com certeza se tiver que mudar, me mudo com certeza :)
Agradeço a todas as pessoas que me acompanharam esse tempo todo, e as novas amizades que fiz aqui, com certeza posso considerar amizades reais!
See Ya!!


Sentenced
Guilt and Regret

Guilt and Regret, they are my two inbred brothers
Guilt and Regret
O god how I hate them both from the bottom of my heart

Guilt and Regret and me wake up into a brand new day
Guilt and Regret lively
I am still dead tired - the night has been long and hard

My brothers they ask me:
Do you recall anything from yester-night, no?
They laugh at me and go:
Nothing at all? Well, it must have been an evening of joy

Guilt and Regret
O god how I hate them both from the bottom of my heart

Each morning like this they come, uninvited
Pale as ghosts, reeking of compost
Yet most I abhor their bloodshot eyes

My brothers they ask me:
Do you recall anything from yester-night, no?
They laugh at me and go:
Nothing at all? Well, it must have been an evening of joy
My brothers they tease me:
Do you remember anything from yester-night, no?
They laugh at me and go:
O sure you do, we buried our little sister Hope

Guilt and Regret and me - what a twisted family we are
Guilt and Regret
O god, how I hate you both from the bottom of my heart

Nenhum comentário: