sábado, agosto 08, 2009

Merda - O Coringa da língua

M E R D A
(Nem o Aurélio definiu tão bem)

A palavra mais rica da língua portuguesa é a palavra MERDA.
Esta versátil palavra pode mesmo ser considerada um coringa da língua portuguesa.

Vejam os exemplos a seguir:

1) Como indicação geográfica 1:
Onde fica essa MERDA?

2) Como indicação geográfica 2:
Vá a MERDA!

3) Como indicação geográfica 3:
18:00h - vou embora dessa MERDA.

4) Como substantivo qualificativo:
Você é um MERDA!

5) Como auxiliar quantitativo:
Trabalho pra caramba e não ganho MERDA nenhuma!

6) Como indicador de especialização profissional:
Ele só faz MERDA.

7) Como indicativo de MBA:
Ele faz muita MERDA.

8) Como sinônimo de covarde:
Seu MERDA!

9) Como questionamento dirigido:
Fez MERDA, né?

10) Como indicador visual:
Não se enxerga MERDA nenhuma!

11) Como elemento de indicação do caminho a ser percorrido:
Por que você não vai a MERDA?

12) Como especulação de conhecimento e surpresa:
Que MERDA é essa?

13) Como constatação da situação financeira de um indivíduo:
Ele está na MERDA...

14) Como indicador de ressentimento natalino:
Não ganhei MERDA nenhuma de presente!

15) Como indicador de admiração:
Puta MERDA!

16) Como indicador de rejeição:
Puta MERDA!

17) Como indicador de espécie:
O que esse MERDA pensa que é?

18) Como indicador de continuidade:
Tô na mesma MERDA de sempre.

19) Como indicador de desordem:
Tá tudo uma MERDA!

20) Como constatação científica dos resultados da alquimia:
Tudo o que ele toca vira MERDA!

21) Como resultado aplicativo:
Deu MERDA.

22) Como indicador de performance esportiva :
O Flamengo não está jogando MERDA nenhuma!!!

23) Como constatação negativa:
Que MERDA!

24) Como classificação literária:
Êita textinho de MERDA!!!

25) Como situação de 'orgulho/metidez' :
Ela se acha o tal e não tem 'MERDA NENHUMA!'


26 ) Como constatação de fato:
'Eu não sou pouca Merda não'

27) Como indicativo de ocupação:
Para você ter lido até aqui, é sinal que não está fazendo MERDA nenhuma!!!

6 comentários:

Diana Pádua disse...

Q merda, hein?

hahaha... to brincando, gostei do seu blog!! valeu pelo comment lá no gigabyte!! :)

bjinhos

Isaac Melo disse...

Denise,
sempre achei a palavra merda bem aprazível. Deveria ser uma espécie de título: "Ele é doutor em merda..." e assim vai. rsrs...
Um abraço!

Julis disse...

ahauahauhauahauahauahahau ai adorei essa

Mauro S disse...

Então Denise, não estou fazendo MERDA nenhuma, mas tirou umas risadas minhas nesta hora da manhã.
Um beijo, e bom começo de semana.

Srta.Lua disse...

Que merda só consegui comentar hoje kkkkkkkk!

Foi mal é que a MERDA da minha conexão, tá uma diarréia!
bem agora parando com os adjetivos fecais, eu nunca vi tantas definições pra uma palavra tão pequena mas com uma descarga tão grande de significados!

bjos!

Lú Silva disse...

Todo mundo solta vez ou outra um "Q merda".............kkkkkkkkkkk

bjos