domingo, maio 01, 2005

Presa por furtar xampu ficará mais 1 ano na cadeia


O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou ontem que a empregada doméstica Maria Aparecida de Matos, 24, presa há 11 meses por tentar furtar um xampu e um condicionador em São Paulo, deverá ficar pelo menos mais um ano na cadeia. Durante o período da pena, ela foi torturada por outras detentas e perdeu a visão do olho direito. No entanto, a defesa de Maria Aparecida disse que levará o caso ao Superior Tribunal Federal (STJ)... reportagem completa no link acima.



Peraí. Uma mulher que tenta roubar um shampoo e um condicionador fica mais de um ano na cadeia? Isso é uma vergonha! Não estou dizendo que ela não deveria ser punida. Claro que sim, cometeu um delito, e deve ser punida. Agora, ficar na cadeia? Enquanto vemos tantos assassinos, estupradores, corruptos (vide nossos queridos políticos), e escapam da cadeia. Aquele cara que arrancou as duas pernas de uma mulher há dois anos atrás com sua lancha, nem pra cadeia foi. Pagou umas cestas básicas, e se safou. Agora, uma mulher que não machucou ninguém, que não tentou sequestrar ninguém, não assassinou, nem fez nada.. Fica na cadeia simplesmente pq roubou ou melhor, de acordo com a reportagem, tentou roubar um shampoo (!!!).. Que justiça é essa? Que deixa um cara que arruinou com a vida inteira de uma mulher solto pagando cestas básicas, e prende alguém praticamente inofensivo.
Eu sou a favor das penas alternativas. Primeiro pq desafogaria nossas já tão lotadas cadeias. Segundo, que daria uma chance dessas pessoas se regenerarem, e conseguirem ter uma vida digna. Eu li há um tempo atrás num jornal local, a respeito de um trabalho muito interessante feito em Tijucas - uma cidade há uma hora e pouca de carro daqui de Blumenau - em parceria com diversas empresas da cidade e da região com presos que cometeram delitos leves. Na cadeia havia oficinas, e as pessoas aprendiam uma profissão. E quando saíam, já tinham emprego garantido. Conclusão? Essas pessoas conseguiam ter uma vida digna, e raramente voltavam ao crime. É disso que esse país precisa. Dar uma chance a pessoas que não tiveram as mesmas, para poderem sair da vida do crime. Dar uma chance a essas pessoas e mostrar que elas são úteis. Não é enfurnando gente que roubou shampoo, creme, pão, dentre outras coisas, em uma cadeia já cheia dos piores criminosos que vamos recuperar essas pessoas. Existem crimes e crimes. E acho que não é punindo todos da mesma maneira que vamos dar jeito nessas pessoas. Que deixemos as cadeias pra quem realmente merece elas: estupradores, assassinos, quem pratica lavagem de dinheiro, dentre outros crimes que prejudicam pessoas, e até mesmo um país.

See Ya!


Gary Moore - Over the hills and far away

Nenhum comentário: