domingo, março 13, 2011

Viagem de Carnaval: Parte 3 - Presidente Epitácio e MS

Finalmente chegou domingo, o grande dia: tínhamos planejado uma ida a Presidente Epitácio, cidade que fica na divisa com o Estado do Mato Grosso do Sul, banhada pelo Rio Paraná represado, e com um parque tudo de bom: O Parque Figueiral. Já fui lá algumas vezes tomar banho de rio, e estava louca pra fazer isso novamente.
Acordei, abri a janela.. E veio a decepção. O tempo estava pra lá de cagado. Nublado, e garoando. Tomar banho de rio nessas situações não é lá muito interessante, mas decidimos que iríamos pra lá do mesmo jeito, mesmo que fosse pra ficar boiando no parque e depois darmos uma volta no Mato Grosso do Sul, já que é ali do lado.

Nos arrumamos, pegamos o carro e fomos embora. Pegamos uma estrada até que boa e de repente chegamos nas letrinhas de Planalto do Sul. Claro que tínhamos que parar pra tirar foto, mas quando eu liguei a máquina li a seguinte mensagem: ''no memory card''. Aí que veio o click. A anta aqui ao descarregar as fotos no dia anterior tava tão sonada, que esqueceu o cartão no laptop. E agora? Vamos voltar! Voltamos tuuuuuuuuuudo e pegamos o cartão. Aí sim deu pra tirar a foto:



Benditas letrinhas. Se não aparecessem elas no meio do caminho, íamos rodar trocentos quilômetros pra chegar lá e dar de cara com a máquina sem cartão. Aí sim eu ia ter um treco.

Chegamos em Epitácio, e fomos direto pro Parque Figueiral. Estava morrendo de saudades daquele lugar. Claro que era um domingo, e de carnaval, então tinha bastante gente por lá, mas mesmo assim não estava muvucado, se formos comprar com o Ibirapuera aqui, que quase nem dá pra andar. Então deu pra boiar bastante. Adoro aquele lugar, tanto por ser agradável, como pelas lembranças divertidas dali. Infelizmente o banho de rio não rolou, mas em breve voltarei só pra isso. Questão de honra!











Depois de boiarmos por um bom tempo por lá, resolvemos atravessar a ponte e dar uma voltinha pelo MS.





Que asfalto horroroso!

Aproveitei pra atualizar a foto nas letrinhas de Nova Porto XV.



Aproveitamos pra dar uma volta pelo povoado, como as ruas de lá estão mal cuidadas... Isso que essa é a Nova Porto XV, ou seja, foi construída a pouco tempo por causa da inundação antiga.. Bom, saímos de Nova Porto XV, e a fome já estava batendo. Fomos um pouco mais pra frente, e achamos o Restaurante Maçarico. Já tinham nos falado muito bem sobre ele, e foi lá que paramos. Estava cheio, e achamos uma mesa vaga, que estava suja. Já acostumada com alguns péssimos atendimentos, nem estava esperando que fossem nos atender rápido. Primeira chicotada da língua na bunda: fomos prontamente atendidos, limparam a mesa super rápido, e trouxeram o cardápio. Escolhemos nosso prato, pedimos os refrigerantes e ficamos no aguardo. Logo depois veio o couvert, um pão delicioso com um molho mais delicioso ainda. A fome estava negra, e o pão foi rapidinho. Passou um tempo, e veio uma funcionária toda gentil perguntando se a gente queria mais um pãozinho. Acabamos aceitando, e logo veio ela com o dito cujo. Segundo ela, pra justificar a demora do refrigerante, que veio logo em seguida. Estávamos nos deliciando com o pãozinho e o refri, quando de repente veio o cozinheiro trazendo um delicioso torresminho de peixe. Pediu desculpas pela demora da refeição, e trouxe, sem a gente pedir nem nada. Isso que nem tava demorando tanto assim. Tanto que logo depois veio a refeição. E que peixe delicioso! Com direito a um pirão mais delicioso ainda. Só sei que me esbaldei de tanto comer, fiquei até triste...
Aliás, o restaurante em si é muito aconchegante. Lá fora tinham algumas redes.. A vontade de deitar lá e dormir até dizer chega foi grande, mas eu resisti bravamente. Os fundos do restaurante tem um terreno enorme com lagos e umas estátuas curiosas de animais:



Aliás, as plaquinhas indicativas nos banheiros é um charme a parte:



Resumo: Quem quiser dar umas voltas pelo Mato Grosso do Sul, vá ao Restaurante Maçarico. O atendimento é excelente, pessoas atenciosas, ambiente limpo, agradável, e a comida é deliciosa demais! E o couvert é farto, e não é cobrado. A única coisa chata é que temporariamente não estão aceitando cartões de crédito nem débito. Mas mesmo assim vale a pena, passe no banco antes, tire um dinheiro e mande ver! Deixo até o endereço aqui: Rodovia Manoel da Costa Lima, km 17 - Reta A1 - Bataguassu - Mato Grosso do Sul.

Saímos tristes de tanto comer e resolvemos procurar a cidade de Bataguassu. Achei que tinham letrinhas que nem Nova Porto XV, e já que estava por aquelas bandas, não custava nada parar pra tirar uma foto. Fomos em linha reta.. fomos, fomos fomos.. E .. cadê Bataguassu? Quando nos demos conta, estávamos no meio do mato pela estrada e nada de uma alma viva... Decidimos voltar, quando de repente nos deparamos com essa placa:



Fazendo os cálculos, tínhamos passado uns 25 km da cidade e não a vimos. Hein? Quando voltamos é que percebemos.. Sim, passamos pela cidade, mas não tem placa, não tem nada. Hahahahaha! Acabamos desistindo da foto e voltamos ao Estado de São Paulo. Demos mais uma volta por Presidente Epitácio, e voltamos pra Teodoro. Apesar de não ter tomado banho de rio, o dia foi super proveitoso. E lá nem garoou, só ficou nublado. Melhor ainda!

Em breve a parte 4 da Viagem de Carnaval.

8 comentários:

Simone disse...

Que aventura!!!

Bjs.

Lindsay disse...

Eu certamente teria curtido tanto quanto vcs essa viagem! Muito legal, nubladinho ainda, que delícia! Sinto pelo banho que ficou pra próxima. Mas que riozão hein? Uau!
Supimpa! :D

SBIE disse...

Volto logo pq não sabemos como vai estar o rio daqui uns anos, rsss!

Os do Estado de São Paulo já estão em grande maioria poluídos.,rss

SBIE disse...

Nunca fui ao Mato Grosso do Sul, bem pelo menos não me lembro de ter passado quando fui pra Brasília.
O asfalto realmente precisa de um corserto como grande parte das estradas Brasil adentro.
Mas fico pensando como deve ter sido comer esse peixe com pirãozinho, hehe. Me deu até água na boca.

beijo

Elizabeth Diniz disse...

Que saudade da minha Terrinha...
Maçarico me aguarde que estou chegando!!! Linda sua viagem e
comentários...Bjs.

Vander Leão disse...

O domingo foi um dia pra ficar na história, a cara q vc fez qdo viu q a câmera tava sem memory card foi impagável...haha...e não parou por ae , o balneareo super agradavel, nadar no rio ficou pra proxima mais valeu pelas fotos, Nova Porto XV o legal foram as letrinhas, agora aquele restaurante, o q foi aquilo, o melhor peixe q comi sem exagero algum :D da próxima vez nadamos no rio e comemos lá novamente :D
Bjssssssssss

Silvia 'Sam' Cássivi disse...

Adoro estrada. aquele monte de fazenda...sempre quis ter uma casinha assim, no meio do mato.
Cohheci um cara que era de Epitacio, ele morava aqui na capital mas voltou pra terra dele e não nos falamos mais.... Ja vi umas fotos lindas, parece mesmo um lugar incrivel.
hahaha eu não esqueço o cartão de memoria mas minhas baterias estão sempre no fim, da camera, do celular de tudo rsrsrsrs

Até mais, moça

Srta.Lua disse...

Ai que invejinha!

lugar maravilhoso!!!!

bem como eu não posso viajar então eu viajo atravéz dos seus posts, bjs!!!!