domingo, março 20, 2005

O que é viver? Qual a diferença entre viver e funcionar?
Faz tempo que estou acompanhando o caso da americana Terri Schiavo, que sofreu um problema cardíaco com sequelas cerebrais, e encontra-se ligada em um tubo há 15 anos. Os pais querem que a filha continue assim, e o marido, quer que desliguem os aparelhos.
O que eu acho cruel, é manter uma pessoa assim funcionando.. Eu não a considero viva, e sim um zumbi. Em coma por 15 anos, comprovadamente sem atividade cerebral, sem nenhuma chance de voltar a viver.. Que graça tem isso? Isso é vida? pra mim isso é funcionar. E sinceramente, é mais sofrimento pra mim ver alguém que eu amo desse jeito, sabendo que nunca mais vai voltar a viver como nós.
Eu acho que devemos defender a vida, mas acho que existem certos limites .. O que é vida? Por acaso Terri pode ser considerada viva? ou uma maquininha que funciona há 15 anos completamente dependente de um aparelho?
Difícil..
Nos tempos antigos, as pessoas eram levadas para morrer em casa, em paz, ao lados dos entes queridos.. Hoje, a mesma tecnologia que pode ajudar, também atrapalha nesse processo de vida - morte. Complicado? Talvez.. Mas faço questão de deixar aqui expressa minha vontade: Não quero ficar num tubo! Prefiro ir. Ir com dignidade, e não ficar entrevada numa cama de hospital funcionando que nem uma máquina ligada na tomada..

mais detalhes sobre esse caso aqui

See Ya!!


Bon Jovi - Bed of Roses

Nenhum comentário: