domingo, agosto 07, 2011

Pagando para ser mal atendido.

Não é preciso dizer que os teleatendimentos, pelo menos no Brasil, na sua maioria, são péssimos. Na hora de vender algo até funciona, mas na hora de cancelar qualquer serviço, ou resolver pepinos, é pior do que parto com fórceps. O que consolava um pouco era o fato dessas ligações serem gratuitas até pouco tempo atrás. Sim, elas continuam gratuitas para grande parte do Brasil, mas para quem mora em São Paulo e no Rio de Janeiro além de sermos mal atendidos como todo teleatendimento que se preze, ainda vem com um plus: temos que pagar as ligações. Sim, não podemos mais discar para aquele 0800. Agora temos que discar para um 4004 qualquer, que é pago. Ou então para um número de telefone comum, igualmente pago. Ou seja, além de sermos tratados igual lixo, temos que pagar as ligações. Será que as empresas acham que quem mora nessas duas cidades é milionário a ponto de querer desperdiçar dinheiro em ligações pra lá de tenebrosas? Ou é mais um 'jeitinho brasileiro' para as teles arrancarem dinheiro da gente?

6 comentários:

Mauro S disse...

Deveria haver um jeito de evitar tratar com eles tanto para buscar ajuda como para contratar serviços, apesar que sei que é impossível.
A Anatel não resolve?
Li hoje no jornal que as empresas vão ter que aumentar velocidade de internet gradativamente começando por 60%, acho que isto.
Odeio quando tenho que entrar em contato com operadoras, entro em pânico, tudo pelo mal atendimento que tu, eu e o BR todo reclama, e o setor de fiscalização olha e não faz nada porque tudo continua igual.
Às vezes dá raiva.

Eu não consideraria mico chegar numa renovação de carteira e não enxergar nada, acho que teria entrado em pânico, mas eu vejo e ouço bem, abraços do amigo Mauro

Mauro S disse...

Estamo muito mal "representados", para vender é o melhor serviço, fazem de tudo para agradar, sempre ou quase, mas para dar suporte continua sendo o pior, falta respeito com todos nós e não é só da parte das operadoras não, mas de um modo geral.
Cheguei a dizer para a atendente que evito ter que falar com eles, buscar solução através deles porque sinto-me mal... ela se não gostou teve que ouvir, não disse nada, mas ela também é uma cidadã e deve saber o que se passa a sua volta.
E o pior que ninguém, mas ninguém mesmo faz nada para proteger-nos.

Somos um barco à deriva do lobo mau!

Ruby disse...

Se a gente pagasse e fosse bem atendido, ou até rapidamente a tendido até que sria aceitável a desculpa de dizer que é pago, mas pagar e ainda ter a paciência testada é pior. é uma verdadeira molecagem e não adianta reclamar em órgão nenhum porque não vai resolver. Esse país tá cada dia mais cheio de molecagem e falta de respeito. Maldito jeitinho brasileiro!

Palazzo disse...

Millenia, só nos resta reclamar.
Mande e mails para Deus e o mundo.
Estadão, Folh, O globo etc...
Uma hora funciona, sabe por que?
Porque uma hora a imprensa tá com raiva deles...
abç

Silvia 'Sam' Cássivi disse...

Muitas dessas empresas têm ombudsman, o jeito é ligar e reclamar, isso ou o PROCON.

Srta.Lua disse...

o produto deles deve ser tão ruim que ninguém deve estar comprando, então eles faturam nos teleatendimento... só pode!