terça-feira, abril 05, 2011

A coragem de uma cidadã.

Tenho que tirar o meu chapéu, e admirar a coragem dessa mulher em denunciar policiais militares por execução.
Admiro muito essa cidadã, e confesso que eu não sei se teria a coragem que ela teve. Denunciar seja lá o que for no Brasil é quase que uma sentença de morte, e juntando com a impunidade que assola nossa sociedade, faz com que praticamente todos se calem. E infelizmente, isso acaba perpetuando esses episódios. É um ciclo vicioso que esta mulher pelo menos tentou quebrar. Apesar de muitas vezes ser cética quanto à nossa justiça, ainda mantenho uma pequena esperança de que isso foi um começo... Não podemos aceitar execuções como se fosse uma coisa normal. O cara que morreu era ladrão? Não importa. A polícia não pode agir como bandido. Morrer durante um confronto é aceitável, mas matar uma pessoa rendida além de ser um crime horrendo, é de uma baita covardia.
Muitos reclamam, e eu também me revolto, pelo fato da polícia prender, e a lei soltar. Concordo que nossas leis são falhas, e precisam de mudanças urgentes. Que tal aprendermos a votar no Legislativo? Infelizmente ninguém leva a sério na hora de eleger nossos legisladores - Tiririca está aí pra provar isso. Não é apoiando policiais criminosos que a violência vai diminuir, e sim aprendendo a votar, e participando do processo legislativo.

13 comentários:

Vander Leão disse...

Olha Dê, qdo vi essa reportagem tive vontade de aplaudir essa mulher, foi de uma coragem absurda, típica de quem não agüenta mais tanta impunidade ao ponto de se arriscar, enfim, um exemplo a ser seguido, só espero q o serviço de proteção à testemunhas funcione protegendo essa mulher que merece todo nosso respeito e admiração :D
Adorei o post bjss

Silvia 'Sam' Cássivi disse...

Continuo achando que voto não deveria ser obrigatório... o povo não sabe votar! e tem gente que, infelizmente, nunca vai aprender. Voto deveria ser como em outroa países: vota quem quer.
Sobre o caso não sei do que se trata mas se alguém se levantou pra denunciar algo tão covarde então merece mesmo meus aplausos. Espero que essa pessoa não se 'suicide'.

Até mais :)

Lidia Ferreira disse...

Minha querida ,
eu estava justamente falando isso para o meu marido , eu acho que as coisas estão mudando , pois hoje em dia tem muita gente reagindo , eu acho isso otimo , pois a falata de impunidade tem que acabar
parabens pelo seu texto amiga
bjs

Mauro S disse...

Oi Denise, complicado este meu passeio, não sei com quem vou, qual serviço contratar, quem vai, e colocar meu carro em estrada que não conheço e de chão batido, ainda não, mas quero porque quero um dia junto da natureza com minha câmera e longe do notebook.
Beijos!

Mauro S disse...

"Não é apoiando policiais criminosos que a violência vai diminuir, e sim aprendendo a votar, e participando do processo legislativo."

Não é preciso dizer mais nada!

Beijão!

Mauro S disse...

Quanto a obrigatoriedade do voto, acho que não deveria ser imposto, obrigado, mas de livre vontade, facultativo, vota quem quer!

Mauro S disse...

Ah, muito mais lindo este teu template, voltei a preferir os claros.

SBIE disse...

A coragem é muita!

Como bem falou: não importa se o cara era ladrão. A sociedade contratou policiais dentro da lei para servirem de ex. e não justiceiros.
"Tiririca" é ex. de que o povo não sabe votar.

Ótima reflexão.

Zandali disse...

só espero q ela não seja perseguida por isso... precisamos desses exmeplos!

p.s. ow, procura ver a agenda do Sesi e vá ver o show do kid que tá demais!

p.p.s.sobre a janela de coments q não abriu deve ser frescura do meu firefox! básico...

beijo!!

Lucia disse...

eu acho essa atitude admirável.

SBIE disse...

Bom dia!

Ruby disse...

Vi na TV a reportagem e realmente ela fou muito corajosa, apesar de declarar depois que foi traída pela própria polícia, mesmo arriscando a vida, porque ela denunciou policiais. No BR as leis não prestam, incentivam o crime e intimidam o cidadão, os legisladores, esses nem se fala, só se preocupam em enriquecer rapidamente e de maneira cada vez mais desonesta, o povo e a segurança que morra!

Nana disse...

Concordo e apoio. Bjs e fik c Deus.