sexta-feira, setembro 03, 2004

Até que ponto a ausência de condições melhores de vida justificam o vandalismo? Porque eu tenho uma condição de vida melhor, justifica eu ser agredida completamente sem motivo?
Porque existem pessoas que não tem condições de moradia melhor, justifica essas mesmas pessoas invadirem a minha casa, matar meus cachorros, destruir meu jardim, e apedrejar minhas janelas? O que vocês acham disso?

Resolvi fazer esse questionamento, depois que eu entrei na comunidade Anti-MST no Orkut, e li um depoimento de uma moça que teve a fazenda da sua família covardemente invadida, suas plantações destruídas, seus animais covardemente assassinados, e ao conseguirem na justiça a reintegração de posse, ainda teve que guentar o tranco de sofrer ameaças de morte durante um bom tempo. Não sei a opinião de vocês, mas eu sou completamente contra MST, pra ser sincera, tenho completo nojo deles. Tenho asco das covardias que eles fazem. É comum os defensores dizer que eles fazem isso pra pressionar o governo, bla bla bla. Que eles são coitadinhos, pobrezinhos, que não tiveram oportunidades, etc. Sabe o que eu acho? Que isso tudo é balela. Não ter terra não justifica vandalismo. Minha opinião a respeito dessa corja, é que eles querem mesmo ficar acima da lei, assim, podem descontar toda sua raiva nas pessoas que lutaram e tem condições de vida melhor. Isso sem contar as falcatruas que todo mundo aqui tá cansado de saber. Existe sem terra que tem até carro. Mas grana pra comprar um terreno não tem. Que interessante isso!
Quando morre um sem terra, OOOOOOOOOHHHHHHHHHHHH!! Um sem terra morreu! coitadinho!!! Agora quando acontecem barbaridades como o policial decapitado por esses seres sem o mínimo de capacidade de civilização, ninguém fala nada. Ah, matar policial é legal, claro, matar sem terra, Deus me livre, eles são santos, só querem um pedacinho de terra.. Sinceramente, posso até estar sendo cruel, mas não tenho nenhuma pena quando um bicho desses morre. Eles procuram. O fazendeiro está lá defendendo o que é dele. Já que o governo não faz a parte dele, o fazendeiro tem que fazer!
NADA justifica o que eles fazem. Invadir propriedade alheia que eu saiba é crime. Decapitar policiais era pra ser crime também pelo que eu saiba. Destruir plantações, matar animais, isso pra mim é coisa de quem deveria estar atrás das grades e não solto por aí. E o pior é que ninguém dessa corja vai preso.. Os fulaninhos que ameaçaram a familia da moça que citei no começo do post, nunca foram punidos. Ameaça não é crime também? Pois é.. Eles infelizmente estão acima da lei.
Não sou a favor de sair matando todo mundo a torto e a direito, óbvio que não. Mas sou a favor da legítima defesa. Não acho justo vc trabalhar uma vida inteira, erguer sua fazenda, muitas vezes depender daquela fazenda pra sobreviver, e de repente chega um bando de vagabundo dizendo que vc não precisa daquela terra, e se apossarem delas.
São essas coisas que me decepciona nesse país.. Baderneiro tem vez, gente séria não.. É lamentável...


See Ya!!


Prince - When Doves Cry

Nenhum comentário: